quarta-feira, 31 de março de 2010

O INFANTE E A FIDA





















A FIFA colocou Portugal no quarto lugar do ranking mundial, a seguir à Espanha, ao Brasil e à Holanda. É a terceira vez que Portugal ocupa esta posição (depois de 2001 e 2007). Recordo que a FIFA tem 208 membros.
Já tenho dito, mas não me canso de o fazer, que o futebol é a única coisa em que o nosso país dá qualquer coisa para a caixa, depois dos descobrimentos. E estes têm aspectos que não estão bem explicados. Se houvesse FIDA (Federation of International Discoveries Associations) naquele tempo, não sei se subiríamos ao quarto lugar do ranking. Suspeito que a história dos descobrimentos está mal contada. Houve muita improvisação e bastante vaca leiteira. E agora há literatura.
O Infante D. Henrique não era nenhum Mourinho. No máximo dos máximos, andaria aí pelo Carlos Queirós.
.

PORTUGUESE STYLE BOILED FOOD ASSOCIATION

.
.
A Confraria do Cozido à Portuguesa, internacionalmente conhecida por Portuguese Style Boiled Food Association, reuniu hoje na sua sede, no Painel de Alcântara, com a presença de um convidado vindo especialmente da Noruega.
Correu tudo de feição e à maneira e, só para os membros, estão algumas fotos no cozido, perdão, no link que é a fotografia publicada acima.

AS FACES QUE O MUNDO TEM

video

Imagens recebidas de João Castro Brito.

A música é da Sinfonia Pastoral (6ª) de Beethoven.

terça-feira, 30 de março de 2010

ACELERADOR DE PARTÍCULAS DO CERN (Slideshow)

O acelerador de partículas do CERN, em Genebra, é a instituição de onde virá a descoberta do Século XXI, se não a maior da humanidade. O acelerador anda perto do conhecimento da origem do Universo, ao poder compreender e exemplificar a relação entre a massa e a energia; o Big Bang, em resumo.
A apresentação de slides, a que pode ter acesso clicando no título deste post ou no link abaixo, é uma homenagem ao esforço de investigação internacional materializado no CERN.
.
Slideshow: What's Next for the LHC? - ScienceNOW

ANNE-SOPHIE MUTTER

Concerto nº 1 para violino - Mozart

O OCASO DO COSTA

Pinto da Costa anda doente. Tem azia. Nota-se no parecer. E tem hálito de dragão com dente cariado.
Diz coisas sobre túneis e disso percebe. Devemos ouvi-lo com respeito porque é o maior especialista em túneis da UEFA. Ainda assim, desta vez não foi original. A piada dos túneis tem outro autor, plagiado por Pinto da Costa. Está a perder qualidades.
Mas como, além das qualidades, perdeu a Liga, a Taça da Liga, e foi borda fora da Champions League com uma banhada de vergonha, está perdoado.
Para o ano leva mais.
.

ART NOUVEAU

A Art Nouveau interessou sobretudo o design e a arquitectura, mas também influenciou as artes plásticas. Das últimas décadas do Século XIX e primeiras do Século XX, estava relacionada com o movimento Arts & Crafts e era representada por edifícios, móveis, posters e coisas assim.
O nome veio de uma loja de Paris, capital do movimento, que vendia mobílias e se chamava justamente Art Nouveau.

BENFICA, FAR AND AWAY THE COUNTRY'S BEST-SUPPORTED CLUB


[...] You can only imagine what the party will be like when the crown does return to the club's Estadio do Luz for the first time since 2005. Benfica is far and away the country's best-supported club, and has more than 200,000 fans worldwide who pay around $210 a year for the privilege of calling themselves "socios" or club members. According to club officials, no team in the world has more paid-up members. And, for a relatively small nation like Portugal, its fan diaspora stretches all over the world. "Casa do Benfica" ("House of Benfica") fan clubs can be found in places as diverse as Johannesburg, South Africa; San Jose, California; Luanda, Angola; and Sydney, Australia. [...]
[...] But in the summer of 2008, Benfica took a gamble on Mr. Aimar and, after an injury-slowed first half of the campaign, he excelled towards the end of 2008-09 season. So much so that the club decided to repeat the exercise with Mr. Saviola, whom Real Madrid was looking to off-load.
The pair have enjoyed a renaissance—Mr. Saviola has scored 17 goals and Mr. Aimar is back to his creative best—and, at 28 and 30 respectively, both have a number of good seasons left in them. Together with countryman Angel Di Maria—arguably Benfica's player of the season and, at 22, a likely target for Europe's top clubs this summer—the Argentine trio have been the driving force behind Benfica's resurgence.
With the league all but wrapped up, Benfica can now focus on European competition. On Thursday it takes on Liverpool in the quarterfinals of the Europa League. Benfica's legion of fans are once again dreaming, harking back to the early 1960s and the days of Eusebio and Mario Coluna, when the club twice won the European Cup.
.
Clicar no link para ver a página do Wall Street Journal
.

segunda-feira, 29 de março de 2010

LWDWIG VAN BEETHOVEN

video

Preparativos e lançamento da Discovery

UM CIDADÃO, UM VOTO


Está a ser transmitido na TV um programa sobre a escola portuguesa e ouço coisas de ficar com o queixo em baixo. Mas deixemos as teorias dos intervenientes no programa e passemos à prática.
Ao mesmo tempo que ouço, leio notícias na Net e o que encontro? Por exemplo, este título:
“Sócrates promete apoios a projectos de associação empresarial para mercados externos”.
E acrescenta o jornalista em jeito de resumo:
“Durante a apresentação de um projecto que une oito empresas portuguesas que procuram equipar hotéis estrangeiros, José Sócrates disse que o sector «estava mesmo a pedi-las» e prometeu dar todo o apoio”.
Este plumitivo não conhece o sentido das imagens que usa. É uma forma de iliteracia insólita num jornalista.
A seguir à notícia vêm dois comentários de leitores. O segundo reza assim:
dalhe socrates enquanto eles se entretem a falar de robalos ate avia um que so gostava de cherne mas todos eles se esqueçeram que o pais existe vem quando lhe cheirou a crize fexaramse todos em copas ja estao a querer apareçer mas ainda estao a espera que tu resolvas os problemas da crise para se aprossimarem
O transcrito é rigorosamente igual ao original, incluindo a pontuação, ou a falta dela. Este leitor, além de não ter percebido absolutamente nada do que leu, escreve da maneira que se vê pela autópsia e não tem nenhuma capacidade de exprimir o que pensa, se é que pensa alguma coisa. É eleitor e, pelo lido, suspeita-se que votou Sócrates.
Recordo alguém que, a respeito dos Estados Unidos, reflectia assim :
Metade dos americanos nunca leu um jornal. Só metade dos americanos vota nas eleições presidenciais. Espero que a metade não seja a mesma.
Pensando bem nisto, fiquei um bocadinho preocupado com o futuro da Pátria! Espero que Sócrates não seja eleito por algumas das pessoas que participavam no programa de TV acima referido, que se esqueçeram que a crize se aprossimava.
Haja Deus!

LANÇAMENTO À ÁGUA!

video

Há maneiras e maneiras de lançar um navio ao mar. Mas esta não lembra ao diabo!

A PAUSA QUE REFRESCA

Embora pareça caricato dizê-lo, neste dia, em 1886, ocorreu um acontecimento histórico: o farmacêutico John S. Pemberton chegou à fórmula da Coca-Cola nas trazeiras da Jacobs’ Pharmacy, em Atlanta. Inicialmente era um xarope para diluir com água gasosa, como constava no anúncio publicado a 8 de Maio no Atlanta Journal e reproduzido aqui ao lado. Tinha cocaína – estimulante - e noz de cola, com cafeína, que lhe dava o gosto. A cocaína viria a ser retirada, aumentando a quantidade de cafeína.
Asa Griggs Candler comprou a patente a Pemberton em 1887 e iniciou uma agressiva campanha de marketing. O êxito foi enorme e, na comemoração do 50º aniversário, a Coca-Cola era já um ícone nacional americano. Começou a ser vendida em garrafas em 1894 e em latas de alumínio em 1955. Antes vendia-se em pequenos barris vermelhos.
Quando os Estados Unidos entraram na II Guerra, os soldados americanos em serviço no estrangeiro pediram à Coca-Cola para lhes fornecer a bebida nos locais onde estavam colocados. Apesar dos custos de produção – a empresa deslocou fábricas para esses países – a bebida foi vendida ao preço do custo nos Estados Unidos. Foi uma táctica de marketing recompensada quando os militares regressaram a casa.
Em muitos países é considerada uma manifestação de apoio aos americanos beber Coca-Cola no 4 de Julho. Actualmente, vendem-se 44 mil garrafas e latas de Coca-Cola por segundo nos Estados Unidos. É obra!

domingo, 28 de março de 2010

SÓ VISTO!!

video

ESTAÇÃO DE MAPUTO

.
.

A estação dos Caminhos de Ferro de Moçambique, em Maputo, foi considerada pela revista Newsweek como a sétima mais bonita do mundo.

(clique na imagem para ver maior)


OS PECADOS DO VATICANO

[...] Até há pouco tempo, a Igreja pensou que era a guardiã da moral e queria impor os seus preceitos a todos, servindo-se inclusivamente do braço secular, ao mesmo tempo que se julgava imune à crítica. Recentemente, a opinião pública começou a pronunciar-se também sobre o que se passa na Igreja, pois todos têm o direito de debater o que pertence à humanidade comum. Há quem diga que, no caso, se trata de revanchismo. A Igreja tem dificuldade em lidar com a nova situação, mas, de qualquer modo, tendo sido tão moralista no domínio sexual, tem agora de confrontar-se com este tsunami, que exige uma verdadeira conversão e até refundação, no sentido de voltar ao fundamento, que é o Evangelho. [...]
[...] Não se pode estabelecer uma relação inequívoca de causalidade entre celibato e pedofilia, até porque há também muitos casados, até pais, que abusam sexualmente de menores. Mas também não se poderá desvincular totalmente celibato obrigatório e pedofilia, sobretudo quando, para chegar a padre, se foi educado desde criança ou adolescente num internato, aumentando o risco de uma sexualidade imatura.
Em todo o caso, será necessário pensar na rápida revogação da lei do celibato. Aliás, a Igreja não pode impor como lei o que Jesus entregou à liberdade. Enquanto se mantiver o celibato como lei, a Igreja continuará debaixo do fogo da suspeita.
[...]


Padre Anselmo Borges
In Diário de Notícias


O pecado da hierarquia católica: os excessos em relação a tudo quanto se relaciona com sexo. A falta de tolerância nessa matéria é trágica. O celibato dos sacerdotes será um reflexo inconsciente do excesso de zelo contra o sexo – a certa altura, até o sexo dentro do matrimónio é suspeito! Impensável autorizá-lo aos ministros de Deus, que devem estar limpos de tal coisa!
Quando a natureza tem mais força que a regra canónica, mete-se o lixo debaixo do tapete. Não se reflecte e muda o que pode ser mudado. Insiste-se na asneira até rebentar a bomba.
Uma lástima!

.

O GOLO FORTUITO

sábado, 27 de março de 2010

O LIBÉRATION ESTÁ A PEDIR VARA

Dizem-me que o jornal de esquerda francês Libération não chegou a Portugal no dia 18 de Março, Quinta-Feira. A razão terá sido um problema relacionado com a impressão.
Terá sido?
Não sei. Mas na Net encontra-se o jornal. Veja, clicando aqui.

(Agradeço a quem me mandou este link, que não sei se quer ser identificado)

BELA VIDA

.
.

SOMA E SEGUE

.
.
O Benfica venceu o Braga. Mas,verdadeiramente, não ganhou de forma completa. E porquê? Porque, segundo Domingos Paciência, o Benfica meteu um golo que foi fortuito; e golos fortuitos só valem quando são do Braga. Para o Benfica, os golos têm de ser preparados ou deliberados, ou uma coisa assim; ou seja, um antónimo de fortuito que não sei exactamente qual é. Domingos sabe.
Domingos tem tiques. Não falo de tiques físicos, mas de tiques psíquicos. É tipicamente da escola FêQuêPÊ. Quando leva uma abada do Porto, é humilde e rasteiro. Em resumo, mete o rabo entre as pernas, salvo seja. Quando perde com o Benfica é insolente e altivo e levanta o rabo, salvo seja.
Não há pachorra!...

WOLFGANG AMADEUS MOZART

Uma pequena música de noite

PARA ALÉM DO DÉFICE HÁ O FMI


Miguel Sousa Tavares é um jornalista polémico. Embora a minha opinião tenha para ele a mesma importância que a opinião dele sobre mim teria, se a tivesse, acho que diz coisas perfeitamente bacocas, à mistura com tiros certeiros. No Expresso de hoje, por exemplo, diz assim, a terminar a crónica ali publicada:

[...] ao lado destes, há uns milhões que não querem entender nem saber de números e que acreditam que nada de essencial mudou e que o estado tem de garantir tudo o que lhes garante a épica Constituição de há 34 anos. E que, em última análise, não querem saber da dívida, nem de défice, nem de outras considerações “economicistas”. Porque, acreditam eles, se for preciso, não se paga a dívida. E quem paga, então? Talvez a Alemanha.

Isto aplica-se a muita gente e a primeira pessoa que me assalta o pensamento é Manuel Alegre, o poeta. É poeta e tem desculpa por isso. Mas a filosofia tem uma figura âncora, o Presidente da República - socialista - Jorge Sampaio, quando o governo era do PSD. Teve este "arrincanso": Há mais vida para além do défice.
Frase lapidar e passo certo para ultrapassar a Grécia, ou nos vermos gregos. Ah, "ganda xuxa"!!...
.

PINGOS DE LISBOA

.
.

NÃO FAÇAS AOS OUTROS...


Depois de vencer as eleições directas para a liderança do PSD, Pedro Passos Coelho mostrou-se esta noite satisfeito com os resultados ‘expressivos’. Passos reconhece que recebeu dos militantes um ‘voto de confiança para liderar o partido’ e, na hora de um novo começo, apelou à união dos social-democratas.

Assim reza a notícia do “SAPO Notícias”. Sou levado a concluir que Passos Coelho tem memória curta. Depois de dois anos a conspirar na sombra dos bastidores contra a anterior Presidente do Partido para chegar onde chegou ontem, acha normal fazer o que ele não fez.
Não conheço Passos Coelho de lado nenhum. Nem da tropa! Não lhe desejo bem nem mal. Espero que faça alguma coisa de jeito pelo Partido e pela Pátria. Mas tem de se dizer que o seu comportamento nos últimos anos não foi exemplar, apesar de ostensivamente marginalizado e hostilizado pelo mau feitio e falta de tacto político da Dr.ª Ferreira Leite.
Não faças aos outros...
Fizeste; agora vê se te “aguentas à bronca”.


.

PASSOS COELHO GANHOU

A vitória de Passos Coelho, e com mais de 60 por cento dos votos, revela que o PSD estava afinal muito mais unido do que se supunha - e mostra bem o erro brutal de Manuela Ferreira Leite quando o excluiu das listas.

Henrique Monteiro, Director do Expresso

sexta-feira, 26 de março de 2010

EFLUENTES DA CIVILIZAÇÃO

.
. Central de reciclagem em Londres

B-MOVIE

O jornal SOL publica hoje o que diz ser uma conversa telefónica interceptada pelos investigadores do processo Face Oculta, a 6 de Agosto de 2009, já depois de Armando Vara saber que estava a ser escutado. A linguagem, aparentemente, é cifrada e é assim:

6 de Agosto de 2009: o primeiro-ministro estava de férias em Espanha, na ilha Menorca. Às 11h46, Armando Vara recebe um telefonema de um indivíduo com sotaque brasileiro, que se identifica como ‘Carlos’ e lhe diz que tem ali «uma pessoa que lhe quer falar».
Vara não quer conversas por aquele número e pergunta-lhe se não tem outro telefone, ao que Carlos responde que sim, mas que «está no quarto».
Dois minutos depois, é Vara quem liga. Carlos atende e passa o telefone ao primeiro-ministro. Sócrates diz a Armando Vara que «aqueles exames médicos, que eram para ser feitos no dia 1, não se fizeram», ele que veja «com a clínica».
Armando Vara mostra-se aborrecido e diz que lhe tinham confirmado tudo. Sócrates comenta que «aquela gente é assim» e Vara aponta o responsável: «É o Rui… e agora teve bebé…» [referência a Rui Pedro Soares, administrador executivo da PT e vogal da Tagusparque].
O vice-presidente do BCP promete que vai ligar a Rui Pedro Soares e que já lhe diz «alguma coisa». Sócrates pergunta «se ele percebeu aquilo que ele quis dizer» e Vara confirma que já entendeu: «não aconteceu nada» do que estava previsto. Sócrates insiste: «não aconteceu nada» e Vara «tinha dito que os exames…». Este reafirma «que lhe disseram que sim, que estivesse descansado»…
O primeiro-ministro pergunta então, referindo-se aos «exames», «o que é que aquilo tem a ver com o nome que ele disse». Vara responde que «é Tagus» – ao que Sócrates comenta que «não sabe se isso é bom». «Foi aquilo que conseguiu arranjar», diz Vara.
«O gajo fala muito, fala muito» – comenta Sócrates. Armando Vara diz que «não lhe deu nenhuma indicação de coisa nenhuma». Sócrates diz que «o outro fala muito e fala pouco» – Armando Vara que veja isso.


Não sei a que se refere o primeiro-ministro, nem Armando Vara. Só sei que não se trata de uma conversa normal, e disso tenho a certeza. Não tenho mais certezas; apenas dúvidas.
Quando se acusa a oposição de andar a fazer perseguição pessoal ao primeiro-ministro, provavelmente não se conhece o teor do que levanta suspeitas em relação ao governante. E, também provavelmente, existe mais do que a conversa agora relatada pelo SOL. A ser verdade, é claro que deveria ser feita uma averiguação completa destes episódios verdadeiramente lastimáveis e rocambolescos, dignos de um policial da categoria B-movies .

PRAIA


O quadro foi pintado há pouco mais de um mês (24.03.2010), tem 76,2cm X 61 cm, e já está vendido.
E a pintora, como se vê, toca acordeão, além de pintar.
.
.



RESTAURANTE JOCKEY


video

Sobe a Alameda da Universidade, vira à direita no meridiano que passa por trás da Reitoria, em direcção à Sociedade Hípica Portuguesa, passa a porta que está guardada mas se abre prontamente com a palavra Jockey, inflecte para bombordo, que é esquerda, avança entre boxes de cavalgaduras e o restaurante é pouco à frente, do lado direito, ou estibordo. O Senhor Rafael Afonso, um jovem amável e profissional, lá estará para tratar de si, e bem.
Dizem-me que o restaurante andava mal, com pouco brio no serviço e falta de criatividade na cozinha. Desde o início do ano, a equipa resultante de um cisma na Tertúlia do Paço, cisma constituído pelo Senhor Rafael Afonso e mais alguns profissionais briosos da restauração, tomou literalmente as rédeas do Jockey e deu a volta ao problema.
O ambiente é acolhedor, a clientela simpática e civilizada, o staff bem enquadrado e diligente e as vitualhas de primeira água. Há prato do dia - sempre o mesmo em cada dia da semana - e uma lista variada constituída por mais algumas escolhas. Não são muitas porque qualidade não é quantidade, antes pelo contrário, mas há sempre por onde escolher. Por dia, tem dois ou três pratos de peixe (bem seleccionados) e outros tantos de carne (idem, aspas).
A garrafeira cumpre com honestidade e as sobremesas são de tirar o chapéu. Especialmente para gulosos como eu.
Serviço simpático, esforçado e eficiente.
Relação qualidade/preço correcta, fazendo nós votos neste canto que não embandeire em arco com o sucesso e entre em espiral vertiginosa de preços.
Recomendo o Jockey aos leitores e desejo felicidades aos jovens da equipa restaurativa, em especial ao amigo Rafael Afonso.

quinta-feira, 25 de março de 2010

PACO DE LUCIA

Paco de Lucia, cujo nome é Francisco Sánchez Gómez, nasceu em Algeciras em 1947. Lucia é nome artístico, adoptado de sua mãe, de origem portuguesa. O pai era guitarrista, um irmão é guitarrista e outro é cantor. Tudo virado para o Flamenco.
Fez a primeira actuação em público com 11 anos e, em 2004, foi distinguido com o Prémio Príncipe das Astúrias. A sua principal gravação é, provavelmente, o Concierto de Aranjuez, de 1991, com a Orquestra de Cadaques.

BANANAS NOS OUVIDOS




...blá, blá, blá, um texto que pode ser consensualizado... blá, blá, blá, e aquilo que neste exacto momento quero afirmar é chamar a atenção para a enormíssima importância que a deliberação que vai ocorrer hoje na Assembleia da República tem para o futuro do País blá,blá, blá...


Descontando o discurso de cabo de esquadra, com respeito pelos cabos de esquadra, é claro que não há consenso nenhum. O PSD, simplemente por razões patrióticas, absteve-se, sem concordar com o PS, depois de ter imposto a este partido a remoção de algumas farroncas que constavam no documento original, o que o PS se apressou a fazer com o rabo entre as pernas.
Entretanto, Teixeira dos Santos havia afirmado com ar solene uma coisa que ninguém sabia: a economia portuguesa corre o risco de pagar juros elevadíssimos e viver tempos dramáticos! Faz lembrar o fulano a quem disseram que tinha uma banana no ouvido e que respondeu pedindo para lhe falarem do outro lado porque daquele tinha uma banana no ouvido. Afinal, Teixeira dos Santos tem uma banana em cada ouvido!
Quando as tirar, tem de se perguntar porque corre Portugal risco de pagar juros elevadíssimos e de viver tempos dramáticos. Não posso acreditar que não saiba!

quarta-feira, 24 de março de 2010

CARMEN



.

.

.

Esta é a mais famosa ópera não italiana. E o Prelúdio, de cuja partitura se reproduz o início aqui ao lado, será o trecho mais conhecido, a par com a Habanera.
A Habanera, com origem em Havana, foi a primeira música afro-latino-americana. Trazida para a Europa no Século XVII, foi sofrendo alterações pelos arranjos dos músicos europeus e assim voltou à América do Sul com os emigrantes portugueses e espanhóis. Viria a estar na origem de vários ritmos, nomeadamente o tango argentino.

HABANERA

MADRID? VAI DE BURRO!


Sempre considerei a saída do IPO de Palhavã uma jericada e uma manifestação de parolice. Conheço vários hospitais de referência estrangeiros que funcionam no meio de grandes cidades, têm instalações recuperadas de edifícios antigos, e são modelos de assistência. Como em quase tudo, nos hospitais o importante é o software e não o hardware. A parolice deslumbra-se com equipamento novo, que frequentemente deixa degradar por maus tratos e falta de manutenção, e não está minimamente interessada em coisas maçadoras, como organização, optimização de recursos, motivação do pessoal, inovação e criatividade laboral. A transferência do IPO para a Isaltinolândia, ou para a Bela Vista, é um caso típico de saloiada.
Mas isso não interessa agora. Ou melhor, interessa sempre mas não é disso que quero falar. O que me traz é a figura triste do PS, de que ninguém fala. Andou o governo a eructar a postas de pescada durante cinco anos, com projectos megalómanos, e acaba por ter o portuguesinho de andar de burro em vez de TGV. E quanto ao IPO, a ideia era boa, segundo o governo, mas afinal não há dinheiro! O Ministério da Saúde vai fazer obras de melhoramento nas actuais instalações do IPO e abandona a ideia de fazer tudo novo. Eh, eh, eh...
Mas o mais ridículo é o modo como tomamos conhecimento disto. O Presidente da Câmara de Lisboa anuncia aos vereadores que o "Rock in Rio" vai continuar na Bela Vista até 2014. Interpelado pelo vereador Rúben de Carvalho sobre como isso é compatível com a transferência do IPO, informa displicentemente que, afinal, o hospital não muda porque não há dinheiro. Eh, eh, eh...
Para a semana vou comprar um castelo na Normandia. Dinheiro? Onde tenho dinheiro para isso? Oh meus amigos!... Perguntem ao Sócrates onde tem ele o dinheiro para fazer o TGV para Madrid. Eh, eh, eh...
.

OS CROMOS DO BOLO

.
. Os Cromos

Ontem, oito deputados do PS entregaram uma declaração de voto contra a argumentação do governo para não tributar as mais valias obtidas em bolsa, como aqui foi referido.
Hoje vem a notícia de que o ministro Teixeira dos Santos, perante os deputados do PS, não excluiu a hipótese de o governo, ainda este ano, tomar a decisão de tributar as mais valias obtidas em bolsa.
Amanhã, o primeiro-ministro dirá, perante os dirigentes da CIP, que o governo nunca encarou a possibilidade de tributar este ano as mais valias obtidas em bolsa.
Depois de amanhã, o ministro Jorge Lacão afirmará que o ministro Teixeira dos Santos queria dizer ser necessário tributar as mais valias obtidas em bolsa, mas só na altura própria e depois de estudar bem as incidências do problema, que são muitas e delicadas. E que o primeiro-ministro nunca disse que as mais valias obtidas em bolsa não iriam ser tributadas este ano, mas tal hipótese está a ser ponderada.
A seguir, virá o ministro da Defesa Santos Silva esclarecer o problema: isso da tributação das mais valias obtidas em bolsa é manobra da oposição que, sem sentido de estado, compromete o bom nome do governo perante o estrangeiro e contribui para o agravamento do rating da República.
Finalmente, o ministro Silva Pereira, daqui a quatro dias, anuncia que as mais valias obtidas em bolsa serão tributadas, com efeitos retro-activos a Janeiro de 2009. E aproveita para afirmar que o governo nunca disse outra coisa.

BIODIVERSIDADE EM CAUSA

.
.

(Humor de João Brito)

UÓTE A CHITE!

....... ....................................................
..
..

O inefável Jorge Lacão, também conhecido por Ministro dos Assuntos Parlamentares, disse hoje que o governo não tem intenção de privatizar a RTP. Interrogado por Agostinho Branquinho (deputadinho do PSDinho), Lacão esclareceu que a RTP necessitava de saneamento financeiro - em curso - para ser possível uma hipotética operação de privatização.
Já conhecemos o PS: aeroporto em Alcochete, jamé; deixar para trás o TGV para o Porto, jamé; o mesmo para o de Vigo, jamé; auto-estrada de Bragança em compasso de espera, jamé; aumento de impostos, jamé; blá, blá, blá, jamé.
Alguém acredita em Lacão? Noubódi! Alguém acredita em Sócrates? Noubódi! Alguém acredita no governo? Noubódi!
Porque se dão eles ao trabalho de tentar enganar a gente? Noubódi nouze!
Bai de uei, ai nou: dei are a chite! Déteze de póinte!

terça-feira, 23 de março de 2010

ROD STEWART

video

Sailing

A ERUDIÇÃO ABSTRACTA

Nos últimos anos, o campo de actuação da vida intelectual na América inflectiu e o intelectual tradicional foi progressivamente marginalizado. A educação dos anos 50, sobre Freud, Marx e o modernismo, não é qualificação suficiente para um pensador nos anos 90. Na realidade, os intelectuais americanos tradicionais são, em certo sentido, crescentemente reaccionários, e bastante vezes orgulhosamente (e perversamente) ignorantes sobre as verdadeiras conquistas intelectuais do nosso tempo. A sua cultura, que omite a ciência, é quase sempre não empírica. Usa jargão próprio e lava a própria roupa. É caracterizada principalmente pelo comentário dos comentários, atingindo eventualmente uma espiral crescente de comentários ao ponto em que o mundo real se perde.

John Brockman, no site da Edge Foundation

GRANIZO NA AUSTRÁLIA

video

Temporal em Perth. Dezembro, Janeiro e Fevereiro com 0,2 milímetros de chuva no total. Em poucas horas, cairam 40 milímetros! Granizo do tamanho de bolas de ténis! 150.000 casas sem electricidade!

EMBARCAÇÃO EM PERIGO

Maria de Belém faz parte de uma lista de oito deputados socialistas que hoje entregaram uma declaração de voto contra a argumentação usada pelo Governo para adiar a tributação das mais valias em bolsa.
A declaração de voto, contra a não inclusão desta medida no Orçamento de Estado para este ano, foi entregue na mesa da Assembleia da República pelo deputado socialista João Galamba e é subscrita por três elementos da direcção da bancada do PS, além de Maria de Belém: Sérgio Sousa Pinto, Ana Catarina Mendes e Duarte Cordeiro (líder da JS).

O texto de crítica em relação ao Executivo de Sócrates é ainda assinado por Osvaldo Castro (presidente da Comissão de Assuntos Constitucionais), pelo ex-ministro da Justiça Vera Jardim e pelo deputado Miguel Laranjeiro..


In Diário Económico
.
Uma coisa é clara no PEC: a redução dos apoios sociais é ideologicamente errada e politicamente preguiçosa. [...]
Mas, acima de tudo, o PEC opta pela solução politicamente preguiçosa dos cortes cegos. Não tem de ser necessariamente assim. Há dois caminhos possíveis para garantir uma rede de mínimos sociais com sustentabilidade financeira: encontram-se fontes de receita alternativas (subir de novo o IVA ou, por exemplo, introduzir já em 2010 a taxação das mais valias bolsistas) ou trabalha-se do lado da despesa, mas criteriosamente. [...]

.
Pedro Adão e Silva, in Diário económico

O passo seguinte é a fuga dos ratos do navio que se afunda, digo eu.

INSOLÊNCIA CANINA


EFEMÉRIDES



Hoje é o Dia Internacional da Meteorologia. Comemora-se a entrada em vigor da Convenção que instituiu a Organização Meteorológica Mundial, sob o lema “O tempo, o clima, a água e o desenvolvimento sustentável”, em 1950.
Foi também neste dia, em 1937 nos Estados Unidos, que nasceu Robert Gallo, investigador em virologia e imunologia que identificou o vírus responsável pelo Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (SIDA).

RAOUL DUFY

.
. .Regata de Cowes

DISTRIBUIR AGORA PARA OUTROS PAGAREM DEPOIS


A fúria contra o Plano de Estabilidade e Crescimento é enorme. A indignação já vem do interior do próprio Partido Socialista, como Alegre e Soares, para ser sintético. As medidas são, de facto, preocupantes!
Mas ninguém fala é do que levou à situação de ser necessário recorrer às regras agora paridas. E o que levou a essa necessidade, além da despesa escandalosa em projectos megalómanas socialistas, com benefício apenas para os gabinetes de estudos dos amigos e coisas assim, foi a instituição de um estado social para o qual não havia manifestamente dinheiro e que muitos detractores socialistas agora exaltados exigiram e continuam a exigir.
É bonito ser generoso com os mais desfavorecidos, o que nem sequer acontece na actualidade, com as prestações sociais pagas a muita gente que não as devia receber; mas, para ser bonito, é preciso haver dinheiro e não há, nem nunca houve. Os socialistas são expeditos a distribuir o que não há e a deixar para os outros a obrigação de pagar os calotes que a “generosidade” deles criou. Neste momento, tiveram o azar de serem eles a pagar esses calotes e estão encravados e na mira de demagogos como Alegre, Soares, Pedroso, e todos os patetas similares do PS.

.

segunda-feira, 22 de março de 2010

INTEL INSIDE














Há precisamente 17 anos, em 1993, a Intel lançou o processador Pentium, mais rápido e muito melhor que o 486, saído em 1989. Foi o início de uma nova geração de computadores.
.

O microprocessador Pentium comparado com o 486 e outro da IBM

LASER


Neste dia, em 1960, Charles Townes e Arthur Schawlow registaram a patente do primeiro gerador de raios laser, em Washington. Era um gerador de rubi, o primeiro de uma série de lasers que se distinguem apenas pelo comprimento de onda. Naturalmente que as propriedades são diferentes, dependendo do tipo de material que pode absorver cada uma das respectivas radiações. O de CO2, por exemplo, é absorvido pela água e actua em todo o material que contenha água, nomeadamente nos tecidos vivos. O de argon é absorvido pela hemoglobina dos glóbulos vermelhos e, por isso, é usado em Oftalmologia. Atravessa a córnea, o cristalino e os fluidos intra-oculares sem produzir qualquer efeito - por não ser absorvido - e só na retina encontra vasos com sangue, onde produz coagulação. É utilizado no tratamento da retinopatia diabética.
Excluindo o comprimento de onda, os lasers são todos o mesmo: têm as propriedades da monocromaticidade, da coerência e da colimação. Significa, pela mesma ordem, que só têm um comprimento de onda (694 nanómetros para o de rubi, p. ex.); todas as ondas electromagnéticas se propagam no espaço na mesma fase de oscilação; e o feixe de radiação quase não tem divergência ao longo do seu trajecto – tudo ao contrário da luz emitida por uma lâmpada de iluminação, cuja emissão têm imensos comprimentos de onda, desde o ultravioleta até ao infravermelho, as ondas electromagnéticas propagam-se em fases muito diferentes, e divergem em todas as direcções.
Uma seca tudo isto! Só mais uma coisa: LASER são as iniciais de Light Amplification by Stimulated Emission of Radiation.

ENCANTADOR DE SERPENTES


.

.

O PRIMEIRO PASSO DE OBAMA

.
Obama tem sido mais celebrado que bem sucedido. Até agora, mostrou apenas ser um grande orador. Mas os povos não se alimentam de palavras, mesmo as mais bonitas. Todo o seu êxito foi criado em torno de expectativas, incluindo a atribuição do Prémio Nobel da Paz numa altura em que enviava mais umas dezenas de milhares de jovens para a guerra.
Mas hoje chega uma notícia de facto importante sobre a sua administração: o Congresso norte-americano aprovou a reforma do sistema de saúde proposta pelo presidente, com 219 votos a favor (mais três que os 216 necessários) e 212 contra.
A reforma pretende que o sistema de saúde público cubra 95 por cento da população norte-americana até aos 65 anos, visto que os mais idosos já estão cobertos. Os empregadores passam a ter de pagar o seguro de saúde para os seus funcionários, do qual resultarão benefícios fiscais. E as seguradoras não poderão recusar apólices a doentes crónicos.
É o ponto final, espera-se, numa situação verdadeiramente escandalosa. No País com uma das mais prósperas economias do mundo, a assistência na doença assume aspectos de terceiro mundo atrasado, com doentes sem tratamento de tumores malignos por falta de recursos, até à assistência dentária própria do Botswana. Continua a ser um perigo manifesto viajar para os Estados Unidos sem estar coberto por um seguro de saúde. Se não se tiver um cartão de crédito com bom plafond, corre-se o risco de morrer à porta do hospital, em situações perfeitamente kafkianas.
Foi um passo importante para Obama e para a América esta aprovação pelo Congresso.